Radio Atlanta

NO AR:

Marcela Braga

10:00 às 13:00

YouTube derruba live de César Menotti e Fabiano por descumprir regras

Se existe uma dupla que foi prejudicada na quinta-feira (16) com a decisão do YouTube de mudar as regras, principalmente, em relação à propaganda, essa dupla foi César Menotti e Fabiano. Poucas horas depois de o Google anunciar, a dupla entraria ao vivo. E as regras valiam a partir daquele momento. Imagine como ficou a vida do empresário da dupla, Pedro Mota, que teve que mudar tudo, em pouquíssimo tempo.

“Minha vida virou um terror. Foram impostas várias regras que eu não tinha mais como mudar e no dia seguinte de manhã o YouTube simplesmente derrubou o vídeo. Saiu do ar”, diz Pedro. O YouTube derrubou a live de César Menotti e Fabiano por conta de seus comerciais no intervalo da transmissão e de propaganda no rodapé da tela.

Como ele também cuida da carreira de Mano Walter, que fez uma live neste sábado à noite, Pedro teve que passar os últimos dias se adaptando às novas regras da plataforma. “O YouTube quer ganhar sozinho. Eles se esquecem dos custos de uma live, é uma esquema DVD, gasta-se entre 80 e 90 mil reais. O público é muito exigente”, revela.

O YouTube derrubou a live de Cesar Menotti e Fabiano por conta de seus comerciais no intervalo da transmissão e propaganda no rodapé da tela.

Pedro Mota, empresário de César Menotti e Fabiano explicou para a Coluna do Leo Dias sobre a notificação que recebeu da plataforma de vídeos:

“O YouTube avisou a gravadora que ia derrubar o vídeo e dar um strike. Se você leva vários strikes, eles vão lá e penalizam o canal até com o fechamento dele, se levar três notificações. O YouTube informou a gravadora que ia derrubar o vídeo dizendo que era melhor tirar do ar porque poderia perder o canal do artista. A gravadora avisada por causa dos comerciais, tirou do ar e, depois de tirarmos os comerciais do meio, foi que publicamos de novo. Tudo orientado pelo YouTube”.

Fonte: Coluna Léo Dias

]]>